Bate-volta Paris Amsterdam: vale a pena?

Com o benefício dos trens de alta velocidade na Europa diversos países ficam a curtas distâncias um do outro. E se você não pode (ou não quer) incluir pernoites nesses países em sua viagem alguns “bate e voltas” são super possíveis e te dão a oportunidade de conhecer aquela cidadezinha fofa que você sempre quis incluir em seu roteiro.

Nosso destino principal em nossa viagem a Europa foi Paris e conseguimos uma super promoção num hotel pertinho da Praça do Trocadero para ficar os nossos 12 dias de viagem. Por isso, optamos por tirar do nosso planejamento pernoites em outros lugares, pois senão teríamos pago pela hospedagem e não usaríamos nos dias em que pernoitássemos em outros países, ou seja, além de ter que pagar pela hospedagem no país de destino e gastar esse valor a mais, ainda desperdiçaríamos a hospedagem que já estava completa. E gastar mais nunca está em nossos planos (hehe).

Então começamos a pesquisar bate-voltas possíveis a partir de Paris e vimos que Amsterdam, apesar de ter sido o mais cansativo dos nossos bate-voltas (fizemos para Bruxelas e Londres também) era super possível.

Qualquer cidade que esteja a menos de 4 horas de trem de Paris vale mais a pena ir de trem de alta velocidade do que ir de avião, a não ser que o custo de ir de avião esteja infinitamente mais baixo. Ir de trem evita os deslocamentos até o aeroporto (que são longos), com toda aquela antecendência necessária dos vôos internacionais, e ainda os deslocamentos na cidade destino. As estações de trem costumam ser super centrais facilitando demais o bate-volta.

Como chegar

O trem de alta velocidade Paris – Amsterdam é operado pela empresa Thalys. Você embarca na estação Gare du Nord em Paris (tem acesso de metrô/ RER de praticamente toda a Paris para lá) e em mais ou menos 3h30 você desembarca na estação Amsterdam Centraal. Os preços das passagens variam bastante dependendo da época do ano, horário, dia da semana etc. Nós compramos o nosso ticket no site da Rail Europe que é todo em Português, o que facilita bastante a compra. Mas a compra é paga em euros, como uma compra internacional, ok?

No dia da viagem basta chegar a estação Gare du Nord com pelo menos meia hora de antecedência, ir em direção à área das GRANDES LINHAS e procurar nos painéis qual será a plataforma que seu trem irá sair. Normalmente essa plataforma só aparece uns 20 minutos antes da saída do trem. Quando aparecer vá direto para a plataforma para embarcar. Dentro do trem vão fazer a fiscalização do seu bilhete e pronto. Você já estará a caminho. Para Amsterdam não passamos por nenhum processo de imigração, mas, por via das dúvidas levamos tudo que usamos para entrar em Paris: passaporte, comprovacão de entrada e saída do país (que são os tickets de trem ida e volta) e apólice do seguro de vida que é obrigatório na Europa.

20190318_042538
Estação Gare du Nord em Paris…minha cara de sono de ter acordado as 5h da madruga..hehe

Como é o trem?

Os trens da Thalys tem poltronas bem confortáveis mesmo para quem compra as passagens da segunda classe, como nós. Dentro do trem tem venda de lanches (quem compra a passagem da primeira classe já tem lanche incluído no preço da passagem), banheiro e espaço para colocar malas (que não usamos, já que fomos em bate e volta). Não espere fotografar nada pela janela…rs..é rápido demais. Só fiz umas filmagens de vez em quando (você consegue ver nos destaques dos stories do nosso Instagram.)

20190320_030346
No trem!

Deslocamento

Como o tempo de Paris – Amsterdam é de mais ou menos 3h30, para aproveitar o bate e volta o ideal é que você pegue o trem mais cedo que tiver e volte num que seja tarde, mas que não seja tão tarde a ponto de você não conseguir pegar metrô em Paris na chegada. Nós pegamos um trem às 7 da manhã na ida e chegamos em Amsterdam 10h30. E pegamos um às 7h30 na volta e chegamos às 11h em Paris. Dia de semana o metrô em Paris funciona mais ou menos até 1 e pouca da manhã.

Bom, abaixo fiz um roteirinho do que você consegue fazer em um bate e volta em Paris. Lembrando que cada pessoa e família tem um ritmo. Existem pessoas que gostam de tirar mais fotos, ficar mais tempo em um lugar, parar para descansar um pouco. Então saia que cada roteiro deve ser adaptado ao ritmo do seu grupo. E não fique triste se não der tempo de fazer tudo que escrevi aqui.

Roteiro completo para um bate e volta Paris – Amsterdam

Ao sair da estação Amsterdam Central a primeira coisa que fizemos foi ir até o outro lado da rua, no centro de venda de tickets (vem escrito GVB Tram bus metro), para comprar um passe diário de transporte (1 para cada pessoa) para que pudéssemos usar o TRAM, pois ele era o único meio de transporte incluído no planejamento do bate e volta. O tram é o bondinho deles. Para quem é carioca, é igual o nosso VLT no centro do Rio. Para o bate-volta é suficiente este passe. Você entra no Centro de venda, pega a senha, aguarda ser atendido e aí você solicita 1 passe de 24 horas para usar o TRAM. (Ele serve para metrô e ônibus também, mas não usamos). Lembrando que cada pessoa precisa comprar o seu passe. Você não pode usar o mesmo passe para 2 pessoas. Os meios de transporte possuem fiscalização e cada um precisa ter o seu ticket. Ao entrar no TRAM você precisa validar o ticket na catraca e ao sair do tram também, não esqueça disso. Para entrar no tram você precisa ir em direção a primeira porta ou a última. As do meio só são liberadas para saída. E para descer na sua estação é preciso dar “sinal” igual no ônibus apertando o botãozinho que tem perto da porta.

Beleza! Com seu passe diário em mãos vamos seguir o roteiro:

  • Ao sair do Centro de venda de Tickets siga pela Rua Damrak até a Praça Dam. Nessa rua você verá várias lojinhas de souvenirs, uma Primark (loja ótima para comprar roupas da Europa, a única que encontrei com peças baratas) e até uma C&A. Mas deixe para olhar essas lojas na volta para a estação de trem se sobrar tempo no final do seu dia. A Praça Dam é uma das mais importantes da cidade: tem o Monumento Nacional, o Palácio Real, o Museu Madame Tussauds…ande um pouco pelo entorno do local, tire suas fotos. Mas num bate e volta não dá muito tempo para ficar conhecendo nenhum por dentro.
DSC_0028
Rua Damrak
DSC_0045
A famosa Praça Dam
  • A direita do Palácio Real saia pela Rua Raadhuisstraat em direção ao bairro Jordaan. Nesse caminho você passará por todos os famosíssimos canais de Amsterdam. O lugar certo para todas as suas fotos. Ao chegar no bairro Jordaan, super conhecido por seus muitos restaurantes e lojinhas vá em direção ao Museu Anne Frank. Se você conseguir chegar nessa etapa antes do almoço dá tempo ate de conhecer o museu. Mas para isso terá que comprar o ingresso com antecedência pela internet. Como nós não quisemos correr o risco não compramos antecipadamente e me arrependi. Dava tempo de ter entrado, e não pude pois os ingressos já estavam todos esgotados. Eles não vendem na bilheteria. Só on line. O Museu da Anne Frank é a “casa” onde ela e sua família ficaram escondidos (eles eram judeus), durante a perseguição nazista na Segunda Guerra.
DSC_0115
Os famosos canais! E a gente fica querendo parar em todos pra fotografar!
DSC_0159
Museu Casa de Anne Frank! Não conseguimos entrar 😦
  • Ao sair de lá vá em direção a estação do bonde Amsterdam, Marnixstraat para pegar o bonde linha 19 até a estacão Frederiksplein. Use o google maps para se localizar. Para ficar conectado sempre compre o chip europeu da Easysim4u clicando aqui. Não fique sem internet no celular, você irá precisar muito.
DSC_0281
Olha o bonde (TRAM) aí gente!
  • Ao chegar na estação Frederiksplein vá em direção ao Mercado Albert Cuyp. Foi lá que fizemos nosso “almoço” tipicamente holandês..hehe. O Mercado é uma feirinha de rua com todas as guloseimas mais maravilhosas possíveis. Comemos o famoso Croquete holandês, o pão com linguiça, um franguinho temperado delicioso e o famoso StroopWafel, que sério…você não pode deixar de experimentar. Pegamos um com chocolate por cima que estava incríveeeeellll!
DSC_0185
Entradinha da rua do Mercado Albert Cuyp
DSC_0196
Amei essa feirinha gente!! Quem nos acompanha nos stories viu que comi pacas!
20190320_104640
Se não quiser experimentar de tudo um pouco, pelo menos o Stroopwafle é obrigatório!
  • De lá fomos andando até o Museumplein, a praça que contém os museus mais importantes da cidade. Ali fica o famoso Rijksmuseum, onde em frente, antigamente ficava o famoso letreiro “I am Amsterdam” que foi retirado em 2018. Ficam também o Museu Van Gogh, Museu de Arte Moderna e outros. Não entramos em nenhum pois não dava tempo. Apenas ficamos passeando ali pela praça, curtindo os artistas de rua (muitos), e tirando muitas fotos.
DSC_0207
Museumplein sem a famosa placa “I am Amsterdam”
  • De lá fomos até o Vondelpark, um parque lindo e enormeeee!!! Só andamos um trecho dele pois não daria tempo de ir até o final.
DSC_0271
Vondelpark! Lindoo!! Mas tava uma friaca! rs
  • De lá pegamos novamente o Tram até a Praça Dam e passamos pela Red Light. Confesso que foi um dos momentos mais tristes do passeio para mim. Ver aquelas mulheres sentadas em vitrines como se fossem mercadorias. Escolhidas como se fossem uma peça de roupa. Não ficamos nem 5 minutos. O local não pode ser fotografado em respeito. E mesmo que pudesse eu não fotografaria. Não acho que seja algo a se divulgar. 😦
  • Provavelmente a essa hora já esteja perto do seu retorno ao trem. Volte pela Rua Damrak, compre aquela lembrancinha e pronto! Roteiro completo por Amsterdam em 1 dia!
20190320_142933
O que falar dessa estação de trem? Linda!

Fiquei apaixonada por Amsterdam. Uma das minhas cidades favoritas da viagem. A infraestrutura, as construções, os canais. É tudo lindo de viver! Então se vale a pena o bate e volta? Valeeee!! E Muito!!!

Para ver outros bate e voltas de Paris bastar acessar os links abaixo:

Clique aqui para acessar o roteiro de bate e volta completo por Bruxelas

Roteiro completo de bate volta Paris Londres aqui

E se precisar de hospedagem para essa viagem reserve pelo Booking.com por este link! Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter este blog ativo!

Gostou desse blog? Reserve com nossos parceiros clicando nos links abaixo!
Hospedagem com o Booking.com
Aluguel de Carro com a Rentcars
Seguros com a Seguros Promo
Chip Internacional com a easysim4u

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s